Quanto Rende 500 Mil na Renda Fixa?

O montante de 500 mil reais é uma verdadeira fortuna. Mesmo com a inflação galopante, R$ 500.000,00 podem ajudar na construção de uma aposentadoria antecipada. Observando a dimensão do valor, quanto rende 500 mil na renda fixa?

Como estamos tratando de um valor muito alto, uma das melhores alternativas de investimento seria a renda fixa.

Quanto Rende 500 Mil na Renda Fixa?

Infelizmente, grande parte da população brasileira, dificilmente tem, ou terá acesso a 500 mil reais para investir, ou poupar. Portanto, tal quantia é relevante e precisa ser bem investida e remunerada. Assim, a renda fixa se apresenta como uma das melhores alternativas de investimento.

O que é renda mensal vitalícia?

Uma pessoa que conquista a renda mensal vitalícia tem uma fonte de renda que sempre vai proporcionar valores mensais.

Por exemplo: qual o rendimento de 500 mil na renda fixa? R$ 500.000,00 investidos em um CDB (Certificado de depósito bancário) que rende 11,65% ao ano vai proporcionar ao investidor uma renda de R$ 4.854,00 mensais.

Considerando uma alíquota de 15% de Imposto de Renda, o valor líquido fica em aproximadamente R$ 4.125,00 mensais.

Desse modo, se o rendimento permanecer o mesmo, a pessoa terá uma renda vitalícia de R$ 4.125,00 mensais.

Para os padrões brasileiros, tal renda é muito superior à de muitas famílias. O salário mínimo, por exemplo, é de R$ 1212,00 atualmente. Com uma renda assim, a pessoa terá acesso a 3,4 salários mínimos, é uma renda robusta.

Como investir 500 mil para viver desta renda?

Como R$ 500.000,00 é um alto valor, o interessante seria construir uma carteira bem diversificada, utilizando tanto produtos de renda fixa quanto de renda variável.

Mas nesse caso, vamos dar prioridade aos investimentos de renda fixa. Presumindo que o investidor seja conservador e esteja mais preocupado em defender o patrimônio do que ganhar dinheiro, um ótimo investimento seria as letras do Tesouro Direto, mais especificamente o Tesouro Selic.

Caso o investidor esteja um pouco mais seguro e quer aproveitar outras alternativas dentro da renda fixa, há opções dentro do CDB, LCI (Letras de crédito imobiliário), LCA (letras de crédito do agronegócio) e fundos de investimento.

O Tesouro Selic por si só, vai render valores similares ao exemplo utilizado anteriormente. Os R$ 500.000,00 vão gerar algo próximo a R$ 4.125,00 mensais, líquido de IR.

Já o investimento dos mesmos R$ 500.000,00 em uma aplicação mais rentável, como um CDB prefixado, que esteja rendendo 13% ao ano, vai proporcionar ganho mensal próximo a R$ 4.604,00 liquido de IR.

Destacando que produtos de renda fixa prefixados ou, atrelados à inflação, dificilmente possuem liquidez diária ou pagam rendimentos mensais. O investidor, em uma situação assim, teria que aguardar o vencimento do papel para conseguir fazer o resgate.

Ainda há as LCI e LCA. Ambas as letras contam com a isenção de imposto de renda, assim, os 11,65% referentes a 100% do CDI entraram para o investidor líquido de IR. Em outras palavras, o investidor conseguiria uma renda líquida de R$ 4.854,00.

Qual a melhor aplicação?

Tratando de construção de renda, o investidor precisa de um investimento que possa gerar renda mensal. Assim, o CDB com liquidez diária e as letras do Tesouro Selic, são as melhores opções.

Bancos menores vêm oferecendo CDB com taxas muito boas. Há instituições oferecendo CDBs com taxas de 105% do CDI, por exemplo.

O rendimento mensal (considerando a taxa do CDI de 11,65% ao ano) seria de R$ 5.095,00 ao mês. Com uma retenção de 15% de IR, o valor líquido ficaria em R$ 4.330,00.

Vale destacar que existem opções mais arriscadas e que geram renda mensal. As opções em questão são as CRI (certificados de recebíveis imobiliários) e CRA (certificadas de recebíveis do agronegócio)

Em ambos os ativos existem opções que pagam juros mensais. Assim, o investidor tem como objetivo construir uma renda mensal investido em CRI e CRA, porém, os riscos são relevantes.

Por isso, o melhor retorno de 500 mil na renda fixa ainda fica por conta do CDB e das letras do Tesouro Direto. Também existe a opção de investir em CDB com liquidez no vencimento, como é o caso dos LCI e LCA.

Há CDBs com vencimento mais longo, acima dos dois anos, que chegam a pagar rendimentos próximos dos 13% ao ano. Isso pode gerar uma renda mensal de aproximadamente R$ 4.604,00.

Como viver apenas de renda vitalícia? 

Se você procura construir renda vitalícia é importante focar seus investimentos em ativos que possam gerar renda e que sejam seguros.

Investir em um ativo de renda fixa que entregue bons rendimentos, segurança e correção pela inflação, seria o melhor dos mundos.

Uma boa alternativa que se encaixa bem são as letras do Tesouro IPCA com juros semestrais. A renda não vai cair todo o mês, mas em todo semestre.

Com os recursos recebidos em um semestre, o investidor pode dividir os valores em seis parcelas. Assim é possível viver dos valores ao longo dos seis meses.

A ideia de investir no Tesouro IPCA está fundamentada na rentabilidade do papel. A letra conta com a rentabilidade do IPCA mais uma taxa de juro prefixada. Assim, os juros pagos podem ser utilizados pelo investidor como uma fonte de renda.  Já o principal, será corrigido pela inflação.

Desse modo, os juros sempre vão crescer, conforme a inflação. Além de contar com a segurança das letras do Tesouro Direto, o investidor terá em mãos uma renda crescente.

Conclusão

Vale investir 500 mil em renda fixa? Vale sim! A renda proveniente do investimento de R$ 500.000,00 na renda fixa é muito interessante.

Um CDB com liquidez diária ou a letra do Tesouro Selic, vão oferecer ao investidor algo próximo aos R$ 4.125,00 mensais, líquidos de IR.

Se o investidor procurar outras opções, há outros ativos, como as LCI e LCA. Nesses casos, existe a isenção de IR e o investidor pode conseguir uma renda próxima aos R$ 4.854,00.

Por fim, existe o Tesouro IPCA com juros semestrais. A letra é indexada à inflação mais uma taxa prefixada. Hoje existem opções de Tesouro IPCA com juros semestrais pagando até 5,7% ao ano mais IPCA.

Você sabe quanto rende 500 mil na renda fixa? Não? Ainda tem dúvidas? Deixe uma pergunta ao final que já vamos lhe responder. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.