Quanto Rende o Investimento no Tesouro Direto?

Com a alta da taxa de juro, os produtos de renda fixa, como o Tesouro Direto, vem chamando atenção dos investidores. Então, quanto rende investimento no tesouro direto?

Se a taxa de juro já está em 9,25% ao ano e a inflação referente a 2021, terminou em 10,42%, o Tesouro Direto deve estar rendendo muito, correto? Em nosso artigo, nós vamos avaliar quanto o Tesouro Direto está rendendo.

Quanto Rende o Investimento no Tesouro Direto?

Quanto rende R$1.000 no tesouro direto?

Tesouro Selic

Se o investidor aplicar R$ 1.000,00 no Tesouro Selic com vencimento para 2024, é bem provável que o investidor alcance rendimentos de R$ 92,50 ao ano, enquanto a Selic permanecer em 9,25%.

Essa rentabilidade não é certa, uma vez que o valor correto, referente à rentabilidade, só será descoberto, de fato, no vencimento do papel.

Atualmente, todas as letras do Tesouro possuem alguma taxa prefixada, além do rendimento oferecido (menos no caso das letras prefixadas, que já possuem a taxa prefixada).

Por contar com essa taxa prefixada, todas as letras podem registrar variações em seus valores, gerando inclusive prejuízo para o investidor no curto prazo.

Tudo vai depender da volatilidade do mercado de juro. Portanto letras que possuem vencimento mais longo tendem a ter mais volatilidade. Enquanto as letras de vencimento mais curto conseguem ficar mais estáveis.

Por exemplo, o Tesouro Selic com vencimento para 2024, além da taxa Selic, rende mais 0,0914%.

Já o Tesouro Selic com vencimento para 2027 tem uma taxa pré de 0,2287%. Ou seja, além da variação da Selic, o papel vai entregar mais 0,2287% ao ano.

Tesouro IPCA

O Tesouro IPCA com vencimento para 2026 vem oferecendo a variação do IPCA mais 5,19%. Considerando que o IPCA pode ficar em 5% (de acordo com as estimativas do boletim Focus para 2022), tal papel tem tudo para render mais de 10% em 2022, ou pouco mais de R$ 100,00, caso o investidor invista R$ 1.000,00 na letra.  

Mas, como já mencionado, a rentabilidade anual não é certa, uma vez que o papel vai flutuar conforme o mercado. Porém, se o investidor manter a posição até o vencimento, a letra vai entregar o resultado contratado.

Tesouro Prefixado

Por último ainda há a letra prefixada, O Tesouro Prefixada com vencimento para 2024, vem oferecendo rentabilidade de 11,25% ao ano. Portanto, o investimento de R$ 1.000,00, poderia render pouco mais de R$ 110,00 ao ano.

O que é o Tesouro Direto?

Tesouro Direto é o programa de investimentos oferecido pelo governo federal, através do Tesouro Nacional.

Portanto, o Tesouro Direto é garantido pelo Tesouro Nacional. Assim, dentre os investimentos de renda fixa conhecidos no Brasil, o Tesouro Direto é reconhecido como o investimento mais seguro.

Em meados de 2002 o Tesouro Direto foi lançado. Objetivo do Tesouro Direto era dar oportunidade às pessoas físicas investirem em letras do Tesouro, ativo que na época era mais restrito.

Com o passar dos anos, o Tesouro Direto sofreu algumas alterações ficando cada vez mais acessível.

Dentre as últimas alterações, houve a isenção de taxa administrativa para o investimento em letras do Tesouro Selic, até o saldo de R$ 10.000,00.

As letras possuem liquidez diária, portanto, em todos os dias da semana (menos feriados e finais de semanas), os investidores têm como negociar suas letras, ou comprar mais.

O valor de acesso ao Tesouro Direto, também ficou mais atraente. Agora com pouco mais de R$ 30,00, já é possível comprar alguma letra.  

E como funciona o investimento no tesouro direto? É bem simples, basta o investidor ter uma conta em uma corretora de valores, que já será possível iniciar seus investimentos.

Quais são as taxas do tesouro direto?

Ao buscar alternativas de investimento no Tesouro Direto, o interessado vai encontrar três tipos de letras, elas são:

  • Tesouro Selic
  • Tesouro IPCA
  • Tesouro Prefixado

Ao optar pelo Tesouro Selic, o investidor terá uma letra atrelada à Selic mais uma taxa prefixada. Dentre as opções de investimento, o Tesouro Selic é a alternativa mais interessante para construção de reserva de emergência, principalmente o Tesouro Selic de vencimento mais curto.

O Tesouro IPCA é a letra mais procurada pelos investidores. O Tesouro IPCA rende juro prefixado mais o IPCA (inflação). Essa letra é interessante para a construção de uma aposentadoria.

Por último, temos o Tesouro Prefixado. Essa letra rende uma taxa prefixada, concentrada no momento da aplicação.

Como estamos tratando de uma letra que não está indexada a uma taxa flutuante, como é o caso da Selic ou do IPCA, o investimento no Tesouro Prefixado exige cuidados.

Um bom momento para investir na letra, é quando as expectativas sobre o juro são de queda. Assim, o investidor consegue travar o rendimento, comprando a letra.

Qual o tesouro direto que rende mais atualmente? 

O Tesouro Prefixado é aquele papel que mais rende atualmente, porém, as coisas podem mudar muito de cenário no curto, médio e longo prazo.

Se o Tesouro Prefixado permanecer com as taxas como estão, por volta dos 11,5% ao ano, é provável que o Tesouro Selic alcance rentabilidade similar, uma vez que a Selic tem tudo para alcançar os 11,75% ainda em 2022.

Outro ponto é a inflação medida pelo IPCA. Em 2021, a inflação superou os 10%, caso algo similar ocorra em 2022, às letras do Tesouro IPCA, vão acumular excelente rentabilidade no ano.

Olhando as variações possíveis, não há um jeito certo de como fazer investimento no tesouro direto. Tudo vai depender da letra e do momento econômico.

Conclusão

Ao considerar todas as opções de investimento existentes no Brasil, fica claro que o Tesouro Direto é uma das melhores alternativas que há.

Se o investidor procura por opções na renda fixa, que possam entregar boa rentabilidade e segurança, o Tesouro Direto é a opção.

Comparado ao CDB, LCI, LCA, fundos de investimento e demais produtos de renda fixa, o Tesouro Direto é o mais seguro.

O único cuidado que o investidor deve ter é com a venda das letras antes do vencimento. Caso o investidor tente liquidar a posição antes do vencimento, é possível que haja perdas. Principalmente se as letras são de longo prazo. Por isso, é importante avaliar bem o investimento e comprar letras de vencimento curto.

Inclusive, antes de investir, você pode fazer cálculos e simulação de investimento no tesouro direto.

Você compreendeu quanto rende investimento no tesouro direto? Não? Ainda tem dúvidas? Então deixe uma pergunta ao final que já vamos lhe responder.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.